segunda-feira, 11 de junho de 2012

MASTECTOMIA PROFILÁTICA

HOJE FUI AO MASTOLOGISTA  E DECIDIMOS FAZER UMA MASTECTOMIA
NA MAMA( E) PARA PREVENIR E TAMBÉM A RECONSTRUÇÃO DA MAMA (D). O MÉDICO DISSE QUE A DECISÃO ERA MINHA DE REALIZAR A MASTECTOMIA NA OUTRA MAMA ENTÃO PENSEI BEM E VOU FAZER. AINDA NÃO TENHO UMA DATA CERTA ACREDITO QUE ATÉ JULHO, PORQUE DESCOBRI QUE O CONVÊNIO NÃO COBRE ESSE TIPO DE CIRURGIA SÓ IRÁ PAGAR A RECONSTRUÇÃO MAS A CIRURGIA PROFILÁTICA NÃO PAGA.
SENDO ASSIM, TENHO QUE ME PREPARAR FINANCEIRAMENTE NÉ!! EU NÃO CONSIGO ENTENDER ESSE CONVÊNIO!!!!!!!!!!! MAS FAZER O QUÊ? AINDA NÃO SEI DIREITO O VALOR QUE O MÉDICO IRÁ COBRAR FICOU DE ME ENVIAR O ORÇAMENTO MAS JÁ SEI QUE NÃO É BARATO VOU TER QUE ME VIRAR NOS TRINTARSRSRSRSRSRS. PENSO QUE TUDO DARÁ CERTO COM FÉ EM DEUS VAMOS ENCONTRAR UM CAMINHO.  DO MAIS ESTÁ TUDO BEM, MUITO OBRIGADA MENINAS PELAS MENSAGEM DE CARINHO PELO APOIO. UM FORTE ABRAÇO A TODOS, FIQUEM COM DEUS. 

2 comentários:

  1. Prezada Drica, tenho uma opinião bem pessoal a respeito de 'cirurgias profiláticas'. Não é por acaso que o plano de saúde não cobre. Na verdade a cirurgia profilática, no seu caso, é mais por razões estéticas do que mesmo por prevenção. É só para igualar as duas mamas no formato da reconstruída. Você tem alguma imagem que mostre alguma lesão suspeita, microcalcificações agrupadas, nódulos na mama (E)? Bem, você está disposta a pagar e isso é uma decisão sua.
    Mas... imagine só se todos nós fossemos tirando órgãos, glândulas, etc. só por razões 'profiláticas? Faria sentido, por exemplo: "Ah, um dia você poderá vir a ter um ca no fígado, que é uma das prováveis metástases do ca de mama, então vou tirar o seu fígado fora... Ah, e vou tirar também os seus pulmões, porque também pode vir a ser uma das prováveis metástases..."???
    É certo que quem teve tumor em uma das mamas tem uma probabilidade maior que as demais mulheres de vir a ter na outra mama. Mas é só uma probabilidade, que pode ser controlada com exames clínicos e mamografia periódicas, não justificando a 'profilaxia' cirúrgica. Inclusive, existem algumas instituições sérias de pesquisa, como o Hospital Johns Hopkins nos EUA, referência mundial em câncer, que discutem as cirurgias desnecessárias, alegando que, se a pessoa já tem um oncogene, ou seja, uma certa predisposição, ela pode ter células cancerígenas espalhadas pelo corpo a fora e, no caso de um corte e posterior cicatrização, estas células começarem a se multiplicar destrambelhadamente. Já pensou nisso? Minha sugestão é que você ouça outras opiniões, já que você tem o plano de saúde, antes de tomar sua decisão. A beleza das mamas não vale a saúde, concorda? Desculpe pelo pitaco. É porque gosto de você. Beijinhos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Querida Drica, voltei para lhe dizer uma coisa importante: se foi o seu oncologista, o médico que, de fato, está tratando o câncer, quem recomendou a mastectomia profilática, delete tudo que eu disse antes. Ele é a autoridade, digamos, para recomendar qualquer profilaxia. Até onde eu sei sobre ca de mama, os passos são: cirurgia, com ou sem esvaziamento da axila, tratamento - radioterapia ou quimioterapia ou os dois combinados -, reconstrução, que até o SUS paga por reconhecer o ganho psicológico da mulher com o procedimento e a profilaxia é terapia hormonal por cinco anos, que, dependendo de uma série de marcadores, exames, etc., será ou tamoxifeno, ou arimidex ou herceptin (que é um inibidor de aromatase). Outras drogas vêm surgindo com resultados promissores. Bom para nós. No entanto, nunca soube de um único oncologista que tivesse recomendado mastectomia profilática da outra mama sem evidências que a justificassem.
    Pense muito antes de fazer a sua escolha, conselho de quem conhece histórias - que um dia posso lhe contar, se lhe interessar - de cura e sucesso no tratamento porque acreditou em si mesmo/a e confiou no médico. Converse com seu oncologista e pergunte o que ele pensa de tudo e, aí sim, tome sua decisão. Beijos, minha linda. Com carinho, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir